Libid Gel Bula

O tamanho do pênis a cirurgia de aumento peniano


A auto-imagem sexual do homem continuamente esteve relacionada com a dimensão do pênis com sua capacidade erétil. Tanto as malformações como a hipoplasia do pênis afetam a auto-imagem corporal influenciam no atuação na auto-aprecia dos portadores.


O traumatismo anímico do pênis pequeno é induzido ainda na puerícia por verificação entre guris exatamente a mesma idade pela impaciência dos pais com relação ao vista anatômico dos genitais de seus filhos.


Na era atual, de maior liberação sexual, o conhecimento por secção da mulher da morfologia normal, do paisagem tamanho dos genitais masculinos, aumentou de modo extraordinária o temor do homem em não ser considerado normal por sua parceira. A hipoplasia do pênis como prenúncio extrínseco de identidade sexual cria um impacto anímico, talvez só paralelo ao da hipoplasia mamária na mulher.


Dessa maneira, não é de se estranhar que a procura por técnicas de aumento peniano venha sendo incrementada progressivamente nos últimos anos. Uma das formas mais comuns atualmente para aumento peniano é o estimulante Libid Gel.


Avaliação dos Pacientes


O que se observa na prática féria dos consultórios médicos é que enorme maior parte dos pacientes com queixa de pênis pequeno apresenta-se com o órgão dentro das medidas tidas como normais para o homem adulto. Pequeno número de são raça obesos, com o pênis parcialmente vestido pela adiposidade pré-púbica, ou pessoas altas, com pênis proporcionalmente pequenos.


Negócios da literatura demonstraram que o comprimento médio do pênis do homem adulto é de 8,5 a 9,4 cm em flacidez, de 12,9 a 14,1 cm em ereção, dependendo das técnicas antropométricas utilizadas.


O micropênis adulto é caracterizado por número reduzido de autores apresenta comprimento menor que 4 cm em flacidez ou 7,5 cm em ereção. A esses pacientes poderia ser proposto qualquer classe de correção cirúrgica.


No caso de casos mais simples, eu indico o Libid Gel. Bula > Confira a Seguir!


Indicações do Libid Gel Bula


O Libid Gel para aumento peniano é indicada para tratamento de certas condições urológicas, como:


– epispádias hipospádias,
– encurtamentos provocados pela doença de Peyronie,
– Libid Gel para defeitos traumáticos,
– amputações parciais,
– apostasia peniana em pacientes lesados medulares.


Técnica Cirúrgica


A troço do ligamento suspensor do pênis nas cercanias de sua inserção no púbis até o nível da aponeurose perineal média sua fixação junto à rosto anterior do púbis deixa o progressão distal da haste peniana. Número reduzido de autores recomendam um enxerto de material sintético entre a túnica albugínea o púbis para evitar uma provável reinserção subida do ligamento por aderência.


Outros autores preconizam técnicas peniana no pós-operatório para prevenir a estreitamento. A lipoaspiração da obesidade pré-púbica superabundante permitiria melhor exposição da genitália. A incisão operatória o conclusão da ferida cirúrgica são realizados mediante técnicas cutâneas de rotação de retalho, plástica Choça-Y ou zetaplastia a nível pubipeniano.


Para aumento da periferia do pênis empregou-se a princípio a lipoescultura, , há pouco, enxertos pediculados de adiposidade suprapúbica. Os enxertos são injetados ou colocados entre o dartos a fásica de Buck, com fixação distal lateralmente ao longo da uretra.


Nas reconstruções penianas são utilizadas técnicas de manipulação da albugínea colocação de próteses intrecavernosa.


Desta forma, como já disse anteriormente, indico o Libid Gel quando seu estado não se encaixa em nenhum desses casos.


Complicações


As complicações mas comuns são decorrentes do apresentação de cicatrizes retráveis de deformidades que acabam por diminuir a dimensão do órgão, resultando em uma figura cosmética final bastante pobre.


Outras complicações frequentes são a escrotalização do pênis, diferença da angulação em ereção, nódulos de adiposidade residuais irregulares, alterações de sensibilidade por lesão dos nervos dorsais, infecção do leito operatório, ascesso suprapúbico fístulas.


Conclusões


A cirurgia de aumento peniano é indicada nos casos quando pequenos ganhos no comprimento do órgão podem resultar em melhor capacidade funcional para o paciente, como nos casos de micropênis, epispádias, casos severos de hipospádias, retrações essenciais consequentes à doença de Peyronie, amputações parciais por neoplasia outros defeitos traumáticos adquiridos retrações penianas em pacientes lesados medulares com o programa de facilitar a colocação de próteses coletores urinários penianos.


A proposta de aumento peniano como procedimento cosmético no pênis normal deve ser encarada como uma técnica experimental, realizada em pacientes selecionados em centros de busca credenciados como as normas de busca envolvendo humanidade estabelecidas pela solução 196/96 do Recomendação Pátrio de Saúde pela solução 1478/97 do Parecer Federalista de Medicina, que aprova o método de aumento peniano com o Libid Gel.


5 atitudes para acabar com um grande orgasmo | Sexo

É a hora de mudar a sua “grande final”

Orgasmo garantido

Provavelmente você está muito claras, uma ou duas posturas que se funcionam melhor durante suas relações sexuais. E realmente ter um orgasmo é melhor do que não ter nenhum, mas pode ser que se esteja a perder uma grande “explosão final”.

Entrar na mesma posição a cada vez que tiver sexo é como tomar sorvete a cada dia de sobremesa. Gostaria? Claro, mas você está se privando de muitas coisas boas. Como variar? Não se preocupe: vamos de sua ajuda.

Perguntámos a uma terapeuta sexual sobre formas novas e prazerosas de acabar com uma deliciosa sessão sexual. Aponta.

Miss bunda

Por que funciona? Esta postura é mais confortável para chegar ao orgasmo do que a típica do quatro, já que você pode controlar o seu peso. Além disso, com os braços, pode imprimir o movimento e tomar o controle enquanto se mantém.

Como faz? Coloque as mãos no chão e fazer com que você tire de sua cintura, de tal forma que as suas pernas estão a cada lado de seus quadris.

VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR: COMO SE TREINA UM ORGASMO

Muda de perspectiva

Por que funciona? O missionário a inversa é ideal, pois permite uma maior estimulação de todo o teu púbis e da área do clitóris inteira.

Como faz? Deite-se sobre suas costas e mantenha a sua cara, com horcadas enquanto ele olha para os seus pés. Em seguida, levanta suas pernas e abraçando seu tronco. Levanta os quadris para que possa penetrar. Em seguida (não se cortes) agárrale o traseiro para ajudá-lo a deslizar para a frente e para trás. E ta-chan…

VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR: 7 POSIÇÕES PARA ESTIMULAR O SEU PONTO G E CLITÓRIS

O snuggy

Por que funciona? Se procura o máximo de prazer com o mínimo de esforço, esta é a sua postura. Tem a curiosidade de a postura do cachorro, com ele entrándote por trás e, além disso, pode estimular facilmente o seu clitóris. “Muitas mulheres ficam surpresas com a rapidez que chegam ao orgasmo nessa postura”, assegura-nos a nossa teraputa sexual.

Como faz? Fique na frente dele e dobra da cintura: como se fosse a tocar com as mãos o chão e invítale que passe por sua “porta de trás”.

VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR: 5 DICAS PARA QUE O PÊNIS DE SEU NAMORADO FUNCIONE MELHOR

O Love gun

Por que funciona? Você está em cima, por isso que você é “responsável” de seu próprio final. Com a tomada de controle, você pode guiar os movimentos, a velocidade e a profundidade. Além disso, você tem as mãos livres para estimular seus pontos quentes. E não se esqueça de vista: você verá chegar ao orgasmo.

Como faz? Diga-lhe que se deite de costas, enquanto tu te colocas montado sobre ele. Incline-se para a frente, ligeiramente, para que as suas mãos estejam a cada lado de sua cabeça.

TAMBÉM PODE TE INTERESSAR 8 MANEIRAS DE MELHORAR O SEXO ORAL

5 momentos em que as tarefas domésticas podem acabar em sexo | Sexo

O cara não tem nem idéia do bem que está enquanto passa o aspirador de pó

Há um par de anos, um estudo científico sugeria que os casais que foram divididos de forma equitativa das tarefas domésticas tinham menos sexo e o que é pior, quando tinham, eram menos satisfatórias… Mas aparentemente, se chegou a essa conclusão com dados coletados entre 1992 e 1994, período em que dividir as tarefas de forma equitativa, não estava, precisamente, a ordem do dia, não é?

MAIS: 9 regras que seguem casais felizes quando discutem

Agora, um novo estudo publicado no Journal of Marriage and Family , com dados de 2006 aponta exatamente o contrário: dividir por igual as tarefas (lavar a louça, tirar o pó, ordenar os quartos ou colocar máquinas de lavar) não é nenhum obstáculo para ter sexo. De fato, mesmo os autores do estudo afirmam que poderiam dar um impulso à sua vida amorosa. Chamam-lhe o erotismo da justiça.

Mas estamos todos de acordo em que não é preciso ser um cientista para saber que, quando vos dividís as tarefas do lar, estais melhor dos dois, e o sexo é melhor. E tampouco é necessário ser um cientista para saber que estas 5 situações vos pode levar para a cama:

1. Quando o cara se encarrega de recolher a enorme pilha de roupas da lavanderia… Por fim você tem roupa interior limpa (sem furos), o que significa que as chances de ter sexo multiplicam-se por dez. Além disso, vê-lo dobrar seus calcinha com tanta delicadeza tem a sua curiosidade.

2. Quando ele se põe a limpar com aspirador de pó…E observas como ele se move, como tararea suas músicas favoritas ou como se move o cu enquanto chupava todas essas migalhas de pão que já não voltará a pisar. Tudo te leva a uma grande noite.

3. Quando tu cozinhas e ele se encarrega de lavar os pratos e te diz que você sente no sofá calmamente para ver TELEVISÃO…Definitivamente, você verá um novo capítulo do Escândalo com sexo no sofá.

4. Quando carrega com quase toda a compra do super… E então lhe vêm todas essas perguntas na cabeça: “Tem que pesar muito, você não quer tirar a camisa? Posso tocar no seu bíceps? Como coloco a última música de Drake e nos desta maneira?

5. Quando você puxar o lixo antes que o faça por ele.Certamente não se dará nem conta. Nota mental: Deixe bem claro o mal cheirando os restos do jantar da noite anterior e que você agiu rápido para que o fedor não invadiera vossa casa. Não será outra: ele terá que compensarte com uma boa massagem nas costas, óleo perfumado incluído.

4 coisas que nunca você tem que fazer a sua xoxota | Sexo

É perfeita, tal como é

Se a sua vagina fosse uma canção, sem dúvida seria o tema “Independent Women Part 1” das Destiny’s Child, (por que ele cuida de si mesma, claro). Mas, para além desta verdade universal, algumas mulheres ainda insistem em jogar um pouco (ou muito) por aí abaixo. E de todas as coisas que você pode tentar, há quatro que podem sair mal, muito mal.


1. Mantenha-a longe do vapor.


Todas nós queremos levar uma vida o mais saudável possível. Mas temos que desenhar uma linha. Sua vagina não é um tapete, assim que você não tem que limpá-lo com vapor. A opinião de Raquel Dardik, professora clínica do departamento de obstetrícia e ginecologia da Universidade de Nova York Langone Medical Center, é ligeiramente diferente: “Definitivamente, não há que dar vapor, já que se pode queimar a vagina“, explica a especialista.


2. Sexual sempre é uma má decisão.


Os cremes ou supositórios vaginais para tratar ou prevenir infecções por fungos têm o seu sentido; mas isto destina-se a todas aquelas que são preparados remédios caseiros. “Nunca se deve sexual com remédios caseiros, como o alho ou o óleo de árvore de chá,” recomenda Dardik. Qual pode ser o pior dos casos? Pois a verdade é que nada de bom. “Eu vi queimaduras químicas causadas por algumas dicas que circulam pela Internet, e uma queimadura química no interior da vagina é algo que não desejo a ninguém”, afirma Dardik.


MAIS: Cirurgia vaginal para mulheres atletas


3. Inserção de ovnis (objetos estranhos) pode parecer uma boa ideia … até que o deixa de ser.


Sabe perfeitamente tudo o que está permitido que entre em sua xoxota: tampões, dedos, brinquedos sexuais, um pau, lubrificantes, métodos contraceptivos, copos menstruais e deixa de contar. Que não entre nada mais. Como você já sabe, as coisas que, sim, você pode usar necessitam de seus cuidados. “Basicamente, tudo se resume ao senso comum e os hábitos pessoais. Os brinquedos sexuais, os diafragmas, os copos menstruais… tudo se deve limpar entre uso e uso“, como lembra Constança Young, professora assistente do departamento de obstetrícia e ginecologia da Universidade de Columbia Medical Center.


O resto de coisas que você possa imaginar (pepinos, bananas, esse dispositivo de aspecto fálico que há em sua cozinha) devem ficar longe, muito longe, de suas partes íntimas. Mesmo se desinfectan, suas texturas, por si só, podem causar alguma irritação grave.


4. Esqueça as duchas vaginais


Já sabemos que a vagina não resulta, precisamente, um cheiro a rosas. Mas nem por isso você tem que intensificar as lavagens ou duchas vaginais. Este hábito pode ser contraproducente. “Os produtos há precisamente o efeito oposto do que buscamos no organismo vaginal: a tornam mais susceptível de contrair uma infecção“, diz Young.


Não vamos dizer isso de que a mulher é um “forno autolimpante” (supomos que você ouviu antes, e, sinceramente, gostaríamos de manter nossas metáforas de cozinha afastada de nossa atenção genital). Mas, é totalmente certo. Sua xoxota sabe como manter o pH equilibrado, graças às bactérias lactobacillus presentes nela. Quando você usa produtos para banho, que não são aptos para suas partes íntimas, alteras o ambiente e a inhibes de proteger a si mesma.


Sabemos o que você está pensando: Se é tão ruim, por que existem tantos produtos no mercado? “É tudo pura comercialização que não está baseada em nenhuma ciência”, como diz Young. Se, apesar de tudo, você sente a necessidade de refrescar suas partes íntimas, usa o autêntico método que é (surpresa!): Sabonete sem perfume e água. Sim, apenas na parte externa.


 

Leia também: Chega no Brasil Remédio para tratar a disfunção Erétil Duratron

Turbo Maca Peruvian Funciona

Imagine um alimento que auxilia no emagrecimento, previne a diabete, fortalece a saúde do coração e a proteção, dá força, estabiliza o humor, fortalece os ossos, e que, também por cima, é afrodisíaco. Essa é a Turbo Maca Peruvian. O nome pode parecer novo, porém essa plantinha já tem sido estudada há um tempo e pode realizar maravilhas à saúde de quem a consome.


O que é a Turbo Maca Peruvian?


A Turbo Maca Peruvian é derivado do Peru, como o nome indica. Ela é uma planta similar ao rabanete, e possui na raiz sua essencial fonte de vitaminas e nutrientes. A planta nasce naturalmente a 4 mil metros de altura, resistindo a mudanças climáticas severas, o que prova o “vigor” desta raiz.


Há várias pesquisas sobre a Turbo Maca Peruvian . Uma das mais conhecidas é a do médico castelhano Gustavo Gonzales Rengifo, que foi, até mesmo, premiado pela FAO, em 2010, por seu trabalho de estudo sobre a maca. Ele demonstrou que os povos que consomem essa planta mantêm uma saúde de alta qualidade até os 75 anos, o que equivaleria ao padrão de indivíduos com 35 anos.


São quarenta anos ganhos em qualidade de vida!


Benefícios da Turbo Maca Peruvian


A Turbo Maca Peruvian é rica em proteínas, cálcio (possui mais cálcio que o leite), ferro, ácidos graxos, ômega 3 e 9, carboidratos, fibras, magnésio, fósforo, vitaminas, zinco, entre outros.


maca peruana



  • Previne a diabetes, por que diminui a absorcão de dextrose no sangue.

  • O Ômega 3 presente lhe ajuda na batalha à doenças cardiovasculares e no controle dos graus de colesterol.

  • O ferro, outro elemento fundamental da maca, previne a anemia.

  • A grande porção de cálcio auxilia no fortalecimento dos ossos, combatendo a osteoporose.

Além de todas essas características, o tubérculo age controlando os graus hormonais, prevenindo dessa maneira uma série de doenças e minimizando o resultado da menopausa.


Turbo Maca Peruvian e a Vida Sexual:


Também conhecida como um viagra natural, a maca pode auxiliar – e bastante – quem necessita de uma forcinha no quesito desejo sexual. Já há pesquisas publicados sobre isso. Uma delas amostra que homens com idades entre 24 e 44 anos tiveram melhoras em índices de fertilidade. Essa pesquisa foi feita por um cientista da Universidad Peruana Cayetano Heredia, no Peru, e publicada no Asian Journal of Andrology.


Além do mais, a maca tem propriedades estimulantes para o cérebro, o que explica, em parte, este crescimento do apetite sexual.


Como consumir?


Essa planta pode ser consumida em cápsulas ou em pó. Crua ela não é recomendada por ser tóxica.


Como pó, a melhor maneira de uso é deixá-la ferver e em seguida abalroar no liquidificador. O alimento pode ser adicionado em sucos, shakes, sopas, entre outros. No caso dos sucos, o agradável é usá-lo com frutas cítricas, uma vez que elas potencializam os seus efeitos nutricionais.


Mas, a recomendação é o seu uso em cápsulas, pois elas possuem quantidades controladas e você não estará arriscando uma superdosagem. A cápsula mais recomendada é o suplemento XtraMaster, confira aqui neste artigo a resenha completa.


Contraindicações


Por não existirem pesquisas com grávidas e lactentes que identifiquem possíveis problemas resultantes do consumo da maca, indivíduos nessas condições precisam evitar a planta. Entretanto, para as demais categorias, a planta não apresenta contraindicações.